Organizar a geladeira pode ajudar a reduzir despesas

InícioEducação Financeira e PrevidenciáriaNotíciasOrganizar a geladeira pode ajudar a reduzir despesas
Geladeira abastecida de forma organizada
Fonte: Vivo Seu Dinheiro
 
A relação entre a disposição de um eletrodoméstico e o seu dinheiro pode até parecer difícil de entender em um primeiro momento. Mas faça uma reflexão sobre seus hábitos no lar: você sabe como organizar a geladeira de forma a ajudar na economia doméstica? Ou nunca parou para pensar nisso?
 
Para pessoas que comem fora com muita frequência, esse é um detalhe que pode passar despercebido. Mas a maioria das donas de casa preocupadas com o bolso já sabe: organizar seu refrigerador é sinônimo de economia. É como abastecer a despensa, mas com algumas diferenças básicas.
 
Não é novidade que uma despensa cheia demais vai resultar em alimentos vencidos por falta de tempo para o consumo. Com a geladeira, a lógica é a mesma: se lotar o eletrodoméstico, dificilmente dará conta de comer tudo o que tem dentro. E isso é sinal de desperdício.
 
Como organizar a geladeira
Pode parecer difícil, mas manter o refrigerador organizado é mais fácil que se imagina. Requer uma certa disciplina, claro, mas ainda assim é simples. Veja em seis etapas como organizar a geladeira na sua casa:
 
1) Visualize
A regra número 1 para manter a ordem é enxergar o que está no interior do eletrodoméstico. Isso fica mais fácil quando você armazena todos os alimentos em potes transparentes. Dessa forma, dificilmente uma comida irá estragar por “esquecimento”.
A visualização ataca dois problemas ao mesmo tempo: você lembra de comer aquela sobra de comida do almoço, por exemplo e evita comprar mais fiambres quando “acha” que acabou – mas que estão dentro de um pote que você não viu.
 
2) Organize
Com a correria do dia a dia, nem tudo pode ser visualizado em uma checagem rápida. Portanto, dispor alguns itens nos espaços da porta, por exemplo, pode ajudar a verificar melhor o que tem em casa. Escolha os espaços mais adequados para que você possa ver.
 
3) Faça lista de compras
A boa e velha lista de compras de supermercado é uma grande aliada contra o desperdício. Quando estiver fazendo a sua, lembre-se de conferir a geladeira para verificar se falta alguma coisa e, principalmente, o que você já tem.
 
4) Prefira alimentos duráveis
Quando se trata de alimentos com data de validade muito curta, as famílias pequenas têm larga desvantagem, pois acabam desperdiçando mais. Por isso, é melhor substituir alguns produtos por outros que possam ser consumidos em mais tempo.
 
5) Elabore um cardápio
Se você raramente cozinha, uma breve conferida na geladeira antes de ir ao supermercado basta. Mas se você faz almoço em casa diariamente, elaborar um cardápio semanal – com receitas econômicas que priorizem a quantidade de comida necessária – ajuda muito a fazer economia.
 
6) Separe os perecíveis em porções
Os alimentos mais perecíveis, como frutas e verduras, podem ser separados em pequenas porções para durarem mais. Algumas frutas, como o mamão, podem durar mais tempo após serem limpas e acondicionadas.
 
Já as verduras possuem um segredinho para ter maior durabilidade: lavar e secar as folhas. Sim, quanto mais secas estiverem, mas tempo irão durar. Para prolongar ainda mais sua vida útil, a dica é separar as porções por dia. Algumas saladas, quando misturadas com determinados alimentos, podem durar ainda mais. Pesquise algumas receitas.